O Brasil na Copa, o “estilo Dunga” e a mesmice da Imprensa

por Sylvio Micelli

Depois de dois jogos do Brasil na Copa do Mundo já é possível uma análise mais detalhada sobre a relação conturbada do técnico Dunga com a Imprensa. Como muitos já sabem, não faço parte do coro contra o técnico pelo qual tenho profundo respeito.

Já escrevi antes e reitero aqui, que acredito que o Brasil não será campeão, apenas por fatores extra-campo, principalmente pela realização da Copa de 2014 aqui. Muitos vão dizer que vejo fantasmas onde não existem, mas sempre tive a impressão de que Copa do Mundo é, sobretudo, uma disputa que envolve elementos políticos muito bem cristalizados. Basta analisar os campeões ao longo desses 80 anos e a interferência e/ou uso político da competição.

Dentro do contexto da atual disputa, a Copa do Mundo, até aqui, tem sido fraca. Os resultados são assustadores com tropeços de Alemanha, Inglaterra, Espanha, Itália todas consideradas como “sérias candidatas ao título” no discurso uníssono dos repórteres e comentaristas esportivos. A Holanda, outra sempre bem cotada, venceu mas não convenceu. E a Argentina, como até eles sabem, tem uma defesa sofrível e um ataque maravilhoso.

Contra a Coreia do Norte, a seleção brasileira foi fraca na primeira etapa. No segundo tempo jogou para o gasto e conseguiu ainda tomar um gol. O resultado de 2 a 1 fez sucesso na mídia do fiasco que estampou caras e bocas de Dunga no dia seguinte. Os gols de Maicon e Elano, em ótimas jogadas, pouco dominaram o noticiário que prefiriu explorar ao máximo o “estilo Dunga”, sempre de forma depreciativa. O Brasil foi fraco? Sim, sem dúvida. Mas poucos analistas observaram a forte marcação da equipe norte-coreana que se fechou para perder de pouco.

Foram acontecendo os jogos das “favoritas”. Com estas derrotadas ou amargando empates começaram a dar o devido valor para a seleção brasileira.

Agora há pouco, o Brasil deu um baile na Costa do Marfim considerada, ao lado de Gana, como as mais fortes seleções do continente africano. O Brasil começou titubeante e aos poucos dominou o jogo. Fez 3 a 0 e poderia ter feito mais. Em jogadas de Kaká, que ainda precisa melhorar muito, Luís Fabiano por duas vezes e Elano marcaram. O centroavante, por sinal, fez um belíssimo gol que remete ao histórico gol de Pelé contra o País de Gales na Copa de 1958. O Brasil ainda tomou um gol de Drogba numa falha de marcação, mas que não alterou o seu domínio em campo.

O fraquíssimo árbitro francês, Stephane Lannoy, permitiu que os marfinenses descessem a botinada e Kaká, até por ingenuidade, foi expulso por uma “simples” ombrada.

Fim de jogo e o Brasil, ao lado da Holanda, já está classificado para as oitavas de final da Copa da África do Sul.

Se a equipe ainda não mostrou um futebol de excelência fez o que dela se esperava e que o mundo inteiro reconhece. Menos aqui.

O que a mídia brasileira precisa aprender é o seguinte:

1. O Brasil é o país do futebol. Isso é óbvio. Portanto, há milhares de seleções possíveis e nunca, jamais, em tempo algum, alguém vai agradar a todos. Nem Telê Santana, querido pela mídia e que em 1982 montou a melhor seleção que vi jogar deixou de responder os porquês da convocação do goleiro Waldir Peres, só para citar um exemplo;

2. Muitos que idolatram Luiz Felipe Scolari que, por méritos, foi campeão com a seleção de 2002, esquecem-se de que o Brasil foi muito beneficiado no jogo contra a Bélgica nas oitavas de final daquela Copa. Por sinal, para que fique bem claro, Felipão e Dunga fizeram a mesma “escola”;

3. O Brasil é reconhecido no mundo inteiro. As equipes tremem ao ver a camisa amarela em campo. Isso foi nítido nas duas partidas. Mas aqui ainda preferem valorizar produtos de fora.

É claro que quando o Brasil perder, se perder, a mídia vai criticar tudo, todos e mais um pouco. Mas o “estilo Dunga” já fez com que muitos ficassem calados ou revessem os conceitos.

Agora é aguardar pelos duelos da Península Ibérica. Um, já marcado contra Portugal. E outro, bem provável contra a Espanha.

You may also like...

Deixe uma resposta

3 visitantes online agora
0 visitantes, 3 bots, 0 membros
Máx. de visitantes hoje: 10 às 04:20 am BRT
Este mês: 23 às 04-09-2018 06:03 am BRT
Este ano: 29 às 03-29-2018 05:20 am BRT
No total: 111 às 03-18-2011 02:35 am BRT