Chapéu de Ralf em Neymar ou o dia em que “a banana comeu o macaco”


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Há uma velha máxima no jornalismo que nos ensina o seguinte: quando o cachorro morde o homem, não é notícia. Mas se o homem morder o cachorro, aí sim, é notícia.

No último domingo, na vitória do Corinthians sobre o Santos (3 a 1), um lance pitoresco deu mais uma apimentada no clássico.

Neymar, pela sua intimidade com a bola, dar chapéu, é algo até previsível. Mas o Ralf dar chapéu em Neymar, como o próprio jogador disse após a partida, “é uma vez por ano”.

Para muitos foi a “vingança” do Corinthians. Ano passado, também pelo Campeonato Paulista, Neymar deu um chapéu em Chicão, mas com a bola parada.

Após o lance inusitado li uma ótima no Twitter que reproduzi no título do post: “foi o dia em que a banana comeu o macaco”.

Perdão, santistas e sem ressentimentos.

Para quem ainda não viu…

You may also like...

Deixe uma resposta

5 visitantes online agora
0 visitantes, 5 bots, 0 membros
Máx. de visitantes hoje: 9 às 02:52 am BRST
Este mês: 26 às 10-06-2017 06:47 am BRT
Este ano: 31 às 03-30-2017 10:25 am BRT
No total: 111 às 03-18-2011 02:35 am BRT