Tagged: Luís Ramirez

Reprodução 0

Primeiro empate do Corinthians no Paulistão tem arbitragem ruim e violência do adversário


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada


Ouça os gols da partida com a narração de José Silvério e reportagens de Leandro Quesada da Rádio Bandeirantes

Corinthians 0 X 1 Bragantino – Serginho

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Corinthians 1 X 1 Bragantino – Luís Ramirez

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Lead

Pela quinta rodada do Paulistão 2012, o Sport Club Corinthians Paulista empatou em 1 a 1 com o Clube Atlético Bragantino no Pacaembu. O Timão perdeu a liderança do campeonato, mas tem a mesma pontuação de São Paulo e Paulista (13 pontos) e está em terceiro lugar com base nos critérios de desempate.

A partida foi marcada por uma péssima arbitragem que prejudicou o Corinthians validando um gol irregular, deixando de marcar ao menos um pênalti claríssimo (há quem tenha visto dois pênaltis) e, principalmente, sendo conivente com a violência praticada pelo time de Bragança Paulista.


O jogo

O Corinthians começou sendo prejudicado logo a dois minutos. Romarinho bateu uma falta de longa distância. O jogador André Astorga, além de impedido, ainda tentou colocar a mão na bola. A zaga corinthiana parou e na continuação da jogada confusa, Serginho bateu para marcar o gol do Bragantino.

Com a força da torcida, o Timão foi para cima e fez o nome do goleiro Alê que teve importantes defesas no primeiro tempo em ataques de Leandro Castan e Jorge Henrique. Liédson quase marcou de cabeça. O clube do interior tentou explorar os contra-ataques, sem sucesso, sempre passando a bola pelos pés de Romarinho e Giancarlo.

Abusando da violência, o zagueiro Murilo foi expulso ainda no primeiro tempo com dois cartões amarelos.

Logo no começo da etapa final, o Timão empatou. O meia peruano Luís Ramirez, o homem dos gols bonitos, fez outro golaço. Recebeu a bola na intermediária, avançou e bateu firme de fora da área, sem chance para Alê.

Com o empate, o Corinthians foi na pressão para virar o jogo. Acabou não tendo êxito. Primeiro porque o Bragantino, além da retranca, abusava da violência. André Astorga, por exemplo, fez quatro faltas violentas para expulsão direta e foi advertido apenas com cartão amarelo. Segundo porque o time não conseguia se livrar da retranca adversária.

Tite ousou e ficou com um zagueiro e um lateral colocando o time inteiro no ataque. Sacou Chicão e colocou Élton e tirou Ramon para a entrada de Vitor Júnior. O problema é que Vitor Júnior acabou sendo expulso, com justiça, depois de dez minutos em campo por duas faltas fortes cometidas. Tite teve de recompor a defesa tirando Gilsinho e colocando Welder.

No final, com uma arbitragem ruim e com a violência do adversário, o Corinthians empatou e conseguiu manter sua invencibilidade na competição. Claro que os anticorinthianos nada falarão sobre isso porque a eles, nossos prejuízos não interessam.

O Timão volta a campo no meio de semana jogando em Mogi Mirim contra o time da casa.


Ficha Técnica

Na história:
41 jogos – 19 vitórias do Corinthians X 6 vitórias do Bragantino e 16 empates
Corinthians: 68 gols X Bragantino: 36 gols

Jogo 07/2012 – 4 V – 2 E – 1 D – 9 GF – 5 GC – SG 4
Artilheiros: Alessandro, Alex, Chicão, Élton, Emerson, Liédson, Luís Ramirez e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)

No Paulistão 2012 – 4 V – 1 E – 0 D – 7 GF – 2 GC – SG 5 – 3º lugar – 13 pontos
Artilheiros: Alessandro, Chicão, Élton, Emerson, Luís Ramirez e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)


SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA 1 X 1 CLUBE ATLÉTICO BRAGANTINO

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 5ª
Local: Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 5 de fevereiro de 2012

Árbitro: Leonardo Ferreira Lima (SP)
Assistentes: Fabio Luiz Freire e Maíza Teles Paiva (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Claudinei Forati Silva e Edson Reis Pavani Junior (ambos de SP)

Público: 16.282 torcedores
Renda: R$ 510.642,50
Cartões amarelos: Paulinho, Gilsinho e Vitor Júnior [C]; André Astorga, Murilo Henrique, Alê, Giancarlo e Diego Paulista [B]
Cartões vermelhos: Vitor Júnior [C]; Murilo Henrique [B]

Gols: Luís Ramirez [C] (51′); Serginho [B] (2′)

[Notas do Micelli]

CORINTHIANS: Júlio César [6]; Alessandro [6], Chicão [6] (Élton [S/N]), Leandro Castan [7] e Ramon [6] (Vitor Júnior [1]); Ralf [7], Paulinho [6] e Luís Ramirez [7]; Gilsinho [6] (Welder [S/N]), Jorge Henrique [7] e Liédson [6]
Técnico: Tite [7]

BRAGANTINO: Alê [8]; Murilo Henrique [3], André Astorga [4] e Luís Henrique [6]; Victor Ferraz [5], Eder [6], Serginho [7], Romarinho [7] (Diego Paulista [6]) e Léo Jaime [6]; Paulo Roberto [6] (Guilherme Mattis [S/N]) e Giancarlo [7] (Bruno [S/N])
Técnico: Marcelo Veiga [6]

 

 

 

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net


PRÓXIMA PARTIDA:

MOGI MIRIM X CORINTHIANS – PAULISTÃO 2012
QUARTA – 8 DE FEVEREIRO DE 2012 – ESTÁDIO ROMILDÃO, MOGI MIRIM

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Corinthians e Bragantino: ‘bora sofrer, e vencer, e ser líder. Tudo de novo? 1

Corinthians e Bragantino: ‘bora sofrer, e vencer, e ser líder. Tudo de novo?


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Neste domingo, pela quinta rodada, o Sport Club Corinthians Paulista volta a campo no “nosso” Pacaembu e defende a liderança isolada do Campeonato Paulista 2012 diante de um adversário sempre complicado: o Clube Atlético Bragantino.

É bem provável que o Corinthians faça o que tem feito de melhor, desde o início do campeonato. Faz um golzinho, dois no máximo, segura a posse de bola, dá pouca ou nenhuma emoção e garante os três pontos. Apesar da sonolência, principalmente no segundo tempo das partidas, a fórmula tem dado certo e é bem provável que Tite mantenha a mesma “linha” para o jogo contra a equipe de Bragança Paulista.

Segundo o site Globo Esporte, Tite fará quatro alterações, seguindo orientação do Departamento Médico, que pretende revezar alguns atletas. Para a disputa deste domingo, o treinador corinthiano deverá sacar o lateral-esquerdo Fábio Santos, os meias Alex e Danilo e o centroavante Élton. Nossos guerreiros devem ser: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Ramon; Ralf, Paulinho, Luís Ramirez; Gilsinho, Liédson e Jorge Henrique.

O Bragantino vem, por enquanto, com uma campanha fraca tendo vencido uma partida, empatado outra e sendo derrotado por duas vezes. As apostas da equipe treinada pelo experiente técnico Marcelo Veiga são a velocidade de Romarinho e a pontaria de Giancarlo, artilheiro da equipe até aqui com três gols.


A história

Em 45 anos de confronto, Corinthians e Bragantino já jogaram 40 vezes. O retrospecto é favorável ao Timão que venceu 19 vezes e sofreu apenas seis derrotas. Há, porém, muitos empates. São 15 no total. O alvinegro mais querido marcou 67 gols e sofreu 35.

Tudo começou em 10 de setembro de 1966, no Parque São Jorge, em jogo válido pelo Campeonato Paulista daquele ano. O Timão venceu por 3 a 0, com dois gols do atacante Marcos e outro da lenda Roberto Rivellino.

Pelo Paulistão de 2011 houve um empate no estádio Marcelo Stéfani, agora equivocadamente renomeado para Nabi Abi Chedid. O jogo terminou em 1 a 1 com o “baixinho” Jorge Henrique fazendo o gol corinthiano de cabeça após o Bragantino ter aberto o placar com um gol contra de Chicão.


O estádio

O Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido por Estádio do Pacaembu, pertence à prefeitura de São Paulo. É considerada “a casa” do Corinthians que joga com maior frequência no local.

O Timão jamais foi derrotado no Pacaembu pela equipe de Bragança Paulista. Em 12 jogos foram oito vitórias e quatro empates. O Corinthians fez 30 gols e sofreu 12. Que a escrita seja mantida amanhã!

A mais recente partida do Corinthians no Pacaembu foi em 29 de janeiro passado na terceira rodada do Campeonato Paulista de 2012. O Timão venceu o Linense por 1 a 0 com um golaço de Emerson.


Ficha Técnica – Jogo 7/2012

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA X CLUBE ATLÉTICO BRAGANTINO

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 5ª
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 5 de fevereiro de 2012

Árbitro: Leonardo Ferreira Lima (SP)
Assistentes: Fabio Luiz Freire e Maíza Teles Paiva (ambos de SP)

CORINTHIANS: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Ramon; Ralf, Paulinho, Luís Ramirez; Gilsinho, Liédson e Jorge Henrique
Técnico: Tite

BRAGANTINO: Alê; Victor Ferraz, André Astorga, Luiz Henrique e Murilo Ceará; Cambará, Serginho, Fernando Gabriel e Romarinho; Léo Jaime e Giancarlo
Técnico: Marcelo Veiga

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

E de gol em gol, Timão lidera o Paulistão 0

E de gol em gol, Timão lidera o Paulistão


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada


Ouça o gol da partida com a narração de Paulo Massini da Rádio CBN

Ituano 0 X 1 Corinthians – Paulinho

Paulistão 2012 – Ituano 0x1 Corinthians – Paulinho – Rádio CBN by AudioCorinthians


Lead

Mesmo jogando um futebol apenas regular, o Sport Club Corinthians Paulista chegou à sua quarta vitória no Campeonato Paulista 2012. Desta vez, jogando contra o Ituano Futebol Clube, o Timão venceu pelo placar mínimo, com um golaço de voleio do Paulinho. São quatro vitórias em quatro jogos e o clube lidera o Campeonato Paulista, já na quarta rodada, graças ao empate do São Paulo diante do Guarani.


O jogo

O adversário, jogando em casa, começou na pressão e correria, além de marcar a saída de bola do Corinthians. Aos 18 minutos Kleiton Domingues apareceu sozinho na área e mandou um bomba para boa defesa de Julio Cesar que, por sinal, foi um dos destaques do jogo.

Sem o ataque titular, pois Liédson e Emerson foram poupados, o Corinthians apostou em Élton e Gilsinho e foi dos pés do segundo que saiu o gol corinthiano. Ele cruzou da direita e o volante Paulinho emendou um belo voleio para marcar o gol corinthiano.

As investidas do time pela esquerda também foram boas com Fábio Santos, mas Elton finalizou mal as duas chances que teve, uma incrível, já na pequena área, no final do jogo.

O goleiro do Corinthians fez duas ótimas defesas na metade do segundo tempo numa cabeçada a queima-roupa de Jefferson Luiz e num chute de Gustavo e garantiu os três pontos e os 100% de aproveitamento da equipe.

Tecnicamente foi um jogo sofrível. A equipe de Itu é frágil, em que pese a correria. O Corinthians fez seu gol e depois, literalmente, cozinhou o “galo” (apelido do time de Itú) até o final da partida.

Mesmo sendo início de temporada, algo me preocupa, aliás, desde o ano passado é o fato do Corinthians chutar pouco e finalizar mal. Não vejo problemas com a equipe na defesa, que já é a melhor da competição tendo sofrido apenas um gol, nem no meio de campo. Falta, porém, consistência ao ataque. Tanto que apenas um terço dos gols da equipe, até aqui, foram marcados pelos atacantes corinthianos e aí, realmente, as coisas ficam complicadas.

O Timão volta a campo na próxima rodada, no eterno Pacaembu, para enfrentar o Bragantino.


Ficha Técnica

Na história:
26 jogos – 18 vitórias do Corinthians X 3 vitórias do Ituano e 5 empates
Corinthians: 49 gols X Ituano: 20 gols

Jogo 06/2012 – 4 V – 1 E – 1 D – 8 GF – 4 GC – SG 4
Artilheiros: Alessandro, Alex, Chicão, Élton, Emerson, Liédson e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)

No Paulistão 2012 – 4 V – 0 E – 0 D – 6 GF – 1 GC – SG 5 – 1º lugar – 12 pontos
Artilheiros: Alessandro, Chicão, Élton, Emerson e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)


ITUANO FUTEBOL CLUBE 0 X 1 SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 4ª
Local: Estádio Municipal Doutor Novelli Júnior, Itu (SP)
Data: 1 de fevereiro de 2012

Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Mauro André de Freitas (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Vinicius Gonçalves Dias Araujo e Welton Orlando Wohnrath (ambos de SP)

Público: 11.269 torcedores
Renda: R$ 373.290,00
Cartões amarelos: Vitor Júnior [C]; Chapinha e Kleyton Domingues [I]

Gol: Paulinho [C] (32′)

[Notas do Micelli]

ITUANO: Roberto [6]; Anderson Salles [6], Thiago Gomes [6], Victor Hugo [6] e Gustavo [7]; Alan Mota [6], Chapinha [5] (Jefferson Luis [6]), Rodrigo Costa [6] (Escobar [S/N]) e Kleyton Domingues [7]; Evando [6] e Alan [7] (Hugo [S/N])
Técnico: Ruy Scarpino
[6]

CORINTHIANS: Júlio César [8]; Alessandro [6], Chicão [6], Leandro Castan [6] e Fábio Santos [7]; Ralf [6], Paulinho [7], Danilo [6] (Edenílson [S/N]) e Alex [6] (Luís Ramirez [S/N]); Élton [6] e Gilsinho [7] (Vitor Júnior [S/N])
Técnico: Tite [6]

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net


PRÓXIMA PARTIDA:

CORINTHIANS X BRAGANTINO – PAULISTÃO 2012
DOMINGO – 5 DE FEVEREIRO DE 2012 – ESTÁDIO DO PACAEMBU, SÃO PAULO

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Em amistoso movimentado, Flamengo e Corinthians empatam por 2 a 2 0

Em amistoso movimentado, Flamengo e Corinthians empatam por 2 a 2


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Ouça os gols da partida com a narração de José Maia e reportagens de PH Dragani da Rádio Bandeirantes

Corinthians 1 X 0 Flamengo – Alex

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 0 Flamengo – Liédson

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 1 Flamengo – Bottinelli

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 2 Flamengo – Negueba

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Ouça os gols da partida com a narração de Nilson César, reportagens de Fábio Seródio e comentários de Flávio Prado da Rádio Jovem Pan

Corinthians 1 X 0 Flamengo – Alex

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 0 Flamengo – Liédson

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 1 Flamengo – Bottinelli

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Corinthians 2 X 2 Flamengo – Negueba

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Lead

A estreia do Sport Club Corinthians Paulista na temporada 2012 foi marcada por um empate diante do Clube de Regatas Flamengo. O jogo amistoso foi disputado no estádio do Café em Londrina (PR) e contou com a presença de bom público, reflexo das duas maiores torcidas do País. O Timão dominou o primeiro tempo e fez 2 a 0. Na etapa final, apenas com jogadores reservas, o time carioca chegou ao empate.


O jogo

Foram dois tempos distintos. No primeiro, jogaram as equipes titulares dos dois clubes. Na etapa final, os onze jogadores de Corinthians e Flamengo foram substituídos.

No primeiro tempo deu Corinthians. No segundo, prevaleceu o Flamengo. Ou seja: o Timão não tem (ou tem poucos) problemas com seu elenco titular. Já o Flamengo precisa colocar alguns reservas na condição de titular.

Na primeira etapa, em que pese maior posse de bola, o time carioca mostrou ser refém de Ronaldo Gaúcho e da correria de Deivid e de Itamar. Por sinal, Itamar que jogou no Palmeiras, mas fez carreira na Coreia do Sul e no México perdeu um gol incrível, mandando uma bola de cabeça para fora, de frente ao gol, livre de marcação. O clube carioca também sentiu muita falta de Thiago Neves, cuja negociação com o Fluminense é tida como certa.

De forma compacta e muito bem entrosado, o Corinthians foi colocando seu jogo em campo e abriu o placar aos 26 minutos. Numa bola rebatida da defesa rubro-negra, Alex mandou no ângulo, sem chance para Felipe e fez Timão 1 a 0.

O Flamengo continuava com as faltas cobradas por Ronaldo Gaúcho e a defesa corinthiana ainda mostra falhas em bolas aéreas, mas nada que assustasse o Corinthians.

No final do primeiro tempo, Liédson fez 2 a 0. Ele recebeu cruzamento de Fábio Santos dominou na entrada da área e mesmo marcado e caído, tocou no cantinho do goleiro do Flamengo.

Analisando-se o primeiro tempo, o time do Corinthians é esse. Poderá, eventualmente, haver alguma alteração na posição de Danilo ou Emerson, mas o time para o primeiro semestre (leia-se Libertadores) é esse. Só haverá alguma mudança radical se o Timão trouxer algum nome de peso o que, sinceramente, não acho que vá acontecer.


O “segundo” jogo

O segundo tempo foi uma outra história com jogadores reservas de ambos os lados. Sem o mesmo entrosamento da equipe titular, os reservas do Corinthians foram muito lentos e não souberam aproveitar a oportunidade que tiveram. Destaques ficam com Nenê Bonilha que jogou improvisado na lateral direita, Edenílson que mostrou a disposição de sempre e Willian, que está mais para titular que para reserva e deve brigar com Danilo pela posição.

Jorge Henrique esteve bem abaixo do seu potencial e Adriano pouco pegou na bola. A rigor, a única oportunidade de gol do Corinthians foi uma boa falta batida por Chicão e só.

Os reservas do Flamengo foram mais rápidos. Contando as boas jogadas de Bottinelli e a correria de Negueba e Lucas, o Mengão chegou ao empate.

Aos 22 minutos, em ótima jogada de Lucas, a bola sobrou para Bottinelli que, com categoria, tocou por cima de Danilo. Treze minutos depois, Magal faz ótima jogada pela esquerda, Wallace tentou tirar, mas deu passe para Negueba mandar para o fundo das redes, empatando a partida.

No finalzinho do jogo, Negueba teve a chance de virar o jogo. Cara a cara com o goleiro, depois de uma bola alçada pela defesa, o atacante ficou sem saber se chutava ou encobria e mandou a bola para a linha de fundo.

Não acompanho o dia-a-dia do Flamengo, mas parece-me que Bottinelli, Lucas e Negueba jogam fácil no time principal.

O Timão deve levar de aprendizado que, um bom elenco é formado por onze jogadores e mais um grupo de trabalho. Claro que há qualidade nos reservas, mas há muito trabalho a fazer.

Enfim, um grande jogo para começar bem o ano e o Timão volta à campo na quarta, contra a Lusa para a entrega de faixas no Pacaembu.


Ficha Técnica

Na história:
120 jogos – 46 vitórias do Corinthians X 47 vitórias do Flamengo e 27 empates
Corinthians: 183 gols X Flamengo: 192 gols

Jogo 01/2012 – 0 V – 1 E – 0 D – 2 GF – 2 GC – SG 0
Artilheiros: Alex e Liédson (1 gol cada)


CLUBE DE REGATAS FLAMENGO 2 X 2 SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA

Competição: Amistoso Nacional
Rodada: Única
Local: Estádio Municipal Jacy Sacff [Estádio do Café], Londrina (PR)
Data: 15 de janeiro de 2012

Árbitro: Leandro Júnior Hermes (PR)
Assistentes: Rafael Trombeta e Adair Mondini (ambos do PR)
Público e renda: não divulgados
Cartões amarelos: Paulo André [C]; Muralha, Gustavo e João Felipe [D]

Gols: Alex [C] (26′), Liédson [C] (45′ + 1′); Bottinelli [F] (67′), Negueba [F] (81′)

FLAMENGO: Felipe (João Vitor), Léo Moura (João Felipe), Alex Silva (David Braz), Welington (Gustavo) e Júnior César (Magal); Airton (Luiz Antonio), Willians (Camacho), Renato Abreu (Muralha) e Ronaldinho Gaúcho (Botinelli); Itamar (Negueba) e Deivid (Lucas)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

CORINTHIANS: Júlio César (Danilo Fernandes), Alessandro (Nene Bonilha), Paulo André (Chicão), Leandro Castan (Wallace) e Fábio Santos (Ramon); Ralf (William Arão), Paulinho (Edenílson), Alex (Luís Ramirez) e Danilo (Jorge Henrique); Emerson (Willian) e Liédson (Adriano)
Técnico (interino): Cleber Xavier

PRÓXIMA PARTIDA:

CORINTHIANS X PORTUGUESA – AMISTOSO NACIONAL
QUARTA – 18 DE JANEIRO DE 2012 – ESTÁDIO DO PACAEMBU, SÃO PAULO

Peruano salva jogo de compadre entre Corinthians e São Bernardo na festa de Lula 1

Peruano salva jogo de compadre entre Corinthians e São Bernardo na festa de Lula

Ouça a narração de Ulisses Costa com reportagens de Alex Müller
(Grupo Bandeirantes de Rádio)

Júnior Xuxa (15′)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Danilo (39′)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Kauê (72′)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Luis Ramirez (80′)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Na reinauguração do Estádio Primeiro de Maio, o histórico Vila Euclides que viu nascer o sindicalista Luiz Inácio Lula da Silva que anos mais tarde seria o presidente “deste País”, Corinthians e São Bernardo empataram em 2 a 2 num jogo bem movimentado e com quatro belos gols.

No primeira disputa da história entre as duas equipes, o técnico Tite encarou a partida como um “laboratório” para a Taça Libertadores da América e pôs os reservas em campo. A equipe do ABC, por sua vez, jogou como se fosse uma final de campeonato. O ex-presidente Lula, torcedor confesso dos dois times acompanhou o jogo praticamente inteiro e ficou satisfeito com o “jogo de compadre”.

Ele viu o São Bernardo dominar os primeiros trinta minutos. Com muita correria de Danielzinho e Romarinho e aproveitando-se de uma zaga improvisada, o Bernô pressionou o Corinthians desde o início. Aos 15 minutos, após um bate-rebate na área, Danielzinho toca para Júnior Xuxa que limpa Diego Sacoman e abre o placar. O goleiro Julio Cesar ainda fez importantes defesas até que o gás do caçulinha da série A foi acabando e o Corinthians começou a encontrar seu jogo, mesmo pecando nas finalizações.

A pressão corinthiana no final do primeiro tempo deu resultado. Passe de Moradei na entrada da área, Edno deixa para Danilo que, com categoria, encobre o goleiro Marcelo Pitol. Fim de primeiro tempo: 1 a 1.

No segundo tempo, o jogo permaneceu morno até o segundo gol da equipe da casa. Uma bomba de fora da área de Lucas, que Julio Cesar espalmou para a lateral da área, a defesa ficou olhando e Kauê bateu forte. A bola passou por baixo do goleiro do Timão e o Bernô passou à frente.

Pouco tempo depois, um lance de rara beleza. O peruano Luis “Cachito” Ramirez, que estreou no Corinthians, dominou fora da área depois de uma bola rebatida da defesa, deu um giro, passou por dois marcadores e bateu no ângulo de Pitol que nada pode fazer. 2 a 2 e fim de papo. Segundo meu filho Victor, do alto de seus 12 anos, foi a jogada de um “moleque”. E entendam como quiserem…

O destaque do jogo fica com Ramirez, não apenas pelo belo gol, mas pela movimentação e os passes. Por aquilo que os titulares estão jogando ele pode entrar fácil no jogo contra o Tolima.

Enfim, até que não foi tão má a apresentação dos reservas. Há problemas sérios na defesa, mas Tite tem opções interessantes no meio de campo e no ataque.

O Corinthians volta a campo na quarta em Ibagué contra o Deportes Tolima para lidar com seus fantasmas na “maldição” da Libertadores. Vitória ou empate com gols, classifica o Timão. Um novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Vitória do Tolima, melhor nem comentar.

Pelo Paulistão, o time volta a campo domingo no Pacaembú, no clássico contra o sempre rival Palmeiras. O time está na 11ª posição com 6 pontos e um jogo a menos (uma vitória e três empates) e Tite permanece invicto nas 13 partidas até aqui disputadas, mas está virando o rei do empate. Já foram sete resultados iguais, quatro apenas neste ano.


SÃO BERNARDO FUTEBOL CLUBE 2 X 2 SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA

Estádio 1º de Maio, Vila Euclides,
em São Bernardo do Campo (SP)
Árbitro: Vinicius Furlan
Assistentes: Giulliano Neri Colisse e Fabio Rogério Baesteiro
Assistentes adicionais: Luiz Vanderlei Martinucho e
Thiago Luis Scarascati
Público: 15.159 torcedores
Renda: R$ 363.100,00

Gols: Júnior Xuxa [SB] (15′); Danilo [C] (39′); Kauê [SB] (72′) e Luis Ramirez (80′)
Cartões Amarelos: Danielzinho, Marcelo Pitol, Guto e Lucas (SB)

SÃO BERNARDO: Marcelo Pitol; Régis (Henrique), Leandro Camilo, Amarildo e Kauê; William Favoni, Dirceu, Lucas e Júnior Xuxa (Guto); Romarinho (Nenê) e Danielzinho
Técnico:
Ruy Scarpino

CORINTHIANS: Julio Cesar; Moradei, Wallace, Diego Sacoman, Fábio Santos; Paulinho, Marcelo Oliveira (Ralf), Luis Ramirez e Danilo (Bruno César); Morais (Willian) e Edno
Técnico:
Tite

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net

10 visitantes online agora
1 visitantes, 9 bots, 0 membros
Máx. de visitantes hoje: 13 às 09:33 am BRST
Este mês: 26 às 10-06-2017 06:47 am BRT
Este ano: 31 às 03-30-2017 10:25 am BRT
No total: 111 às 03-18-2011 02:35 am BRT