Tagged: Pacaembu

Reprodução 0

Primeiro empate do Corinthians no Paulistão tem arbitragem ruim e violência do adversário


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada


Ouça os gols da partida com a narração de José Silvério e reportagens de Leandro Quesada da Rádio Bandeirantes

Corinthians 0 X 1 Bragantino – Serginho

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Corinthians 1 X 1 Bragantino – Luís Ramirez

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Lead

Pela quinta rodada do Paulistão 2012, o Sport Club Corinthians Paulista empatou em 1 a 1 com o Clube Atlético Bragantino no Pacaembu. O Timão perdeu a liderança do campeonato, mas tem a mesma pontuação de São Paulo e Paulista (13 pontos) e está em terceiro lugar com base nos critérios de desempate.

A partida foi marcada por uma péssima arbitragem que prejudicou o Corinthians validando um gol irregular, deixando de marcar ao menos um pênalti claríssimo (há quem tenha visto dois pênaltis) e, principalmente, sendo conivente com a violência praticada pelo time de Bragança Paulista.


O jogo

O Corinthians começou sendo prejudicado logo a dois minutos. Romarinho bateu uma falta de longa distância. O jogador André Astorga, além de impedido, ainda tentou colocar a mão na bola. A zaga corinthiana parou e na continuação da jogada confusa, Serginho bateu para marcar o gol do Bragantino.

Com a força da torcida, o Timão foi para cima e fez o nome do goleiro Alê que teve importantes defesas no primeiro tempo em ataques de Leandro Castan e Jorge Henrique. Liédson quase marcou de cabeça. O clube do interior tentou explorar os contra-ataques, sem sucesso, sempre passando a bola pelos pés de Romarinho e Giancarlo.

Abusando da violência, o zagueiro Murilo foi expulso ainda no primeiro tempo com dois cartões amarelos.

Logo no começo da etapa final, o Timão empatou. O meia peruano Luís Ramirez, o homem dos gols bonitos, fez outro golaço. Recebeu a bola na intermediária, avançou e bateu firme de fora da área, sem chance para Alê.

Com o empate, o Corinthians foi na pressão para virar o jogo. Acabou não tendo êxito. Primeiro porque o Bragantino, além da retranca, abusava da violência. André Astorga, por exemplo, fez quatro faltas violentas para expulsão direta e foi advertido apenas com cartão amarelo. Segundo porque o time não conseguia se livrar da retranca adversária.

Tite ousou e ficou com um zagueiro e um lateral colocando o time inteiro no ataque. Sacou Chicão e colocou Élton e tirou Ramon para a entrada de Vitor Júnior. O problema é que Vitor Júnior acabou sendo expulso, com justiça, depois de dez minutos em campo por duas faltas fortes cometidas. Tite teve de recompor a defesa tirando Gilsinho e colocando Welder.

No final, com uma arbitragem ruim e com a violência do adversário, o Corinthians empatou e conseguiu manter sua invencibilidade na competição. Claro que os anticorinthianos nada falarão sobre isso porque a eles, nossos prejuízos não interessam.

O Timão volta a campo no meio de semana jogando em Mogi Mirim contra o time da casa.


Ficha Técnica

Na história:
41 jogos – 19 vitórias do Corinthians X 6 vitórias do Bragantino e 16 empates
Corinthians: 68 gols X Bragantino: 36 gols

Jogo 07/2012 – 4 V – 2 E – 1 D – 9 GF – 5 GC – SG 4
Artilheiros: Alessandro, Alex, Chicão, Élton, Emerson, Liédson, Luís Ramirez e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)

No Paulistão 2012 – 4 V – 1 E – 0 D – 7 GF – 2 GC – SG 5 – 3º lugar – 13 pontos
Artilheiros: Alessandro, Chicão, Élton, Emerson, Luís Ramirez e Paulinho (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)


SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA 1 X 1 CLUBE ATLÉTICO BRAGANTINO

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 5ª
Local: Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 5 de fevereiro de 2012

Árbitro: Leonardo Ferreira Lima (SP)
Assistentes: Fabio Luiz Freire e Maíza Teles Paiva (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Claudinei Forati Silva e Edson Reis Pavani Junior (ambos de SP)

Público: 16.282 torcedores
Renda: R$ 510.642,50
Cartões amarelos: Paulinho, Gilsinho e Vitor Júnior [C]; André Astorga, Murilo Henrique, Alê, Giancarlo e Diego Paulista [B]
Cartões vermelhos: Vitor Júnior [C]; Murilo Henrique [B]

Gols: Luís Ramirez [C] (51′); Serginho [B] (2′)

[Notas do Micelli]

CORINTHIANS: Júlio César [6]; Alessandro [6], Chicão [6] (Élton [S/N]), Leandro Castan [7] e Ramon [6] (Vitor Júnior [1]); Ralf [7], Paulinho [6] e Luís Ramirez [7]; Gilsinho [6] (Welder [S/N]), Jorge Henrique [7] e Liédson [6]
Técnico: Tite [7]

BRAGANTINO: Alê [8]; Murilo Henrique [3], André Astorga [4] e Luís Henrique [6]; Victor Ferraz [5], Eder [6], Serginho [7], Romarinho [7] (Diego Paulista [6]) e Léo Jaime [6]; Paulo Roberto [6] (Guilherme Mattis [S/N]) e Giancarlo [7] (Bruno [S/N])
Técnico: Marcelo Veiga [6]

 

 

 

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net


PRÓXIMA PARTIDA:

MOGI MIRIM X CORINTHIANS – PAULISTÃO 2012
QUARTA – 8 DE FEVEREIRO DE 2012 – ESTÁDIO ROMILDÃO, MOGI MIRIM

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Corinthians e Bragantino: ‘bora sofrer, e vencer, e ser líder. Tudo de novo? 1

Corinthians e Bragantino: ‘bora sofrer, e vencer, e ser líder. Tudo de novo?


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Neste domingo, pela quinta rodada, o Sport Club Corinthians Paulista volta a campo no “nosso” Pacaembu e defende a liderança isolada do Campeonato Paulista 2012 diante de um adversário sempre complicado: o Clube Atlético Bragantino.

É bem provável que o Corinthians faça o que tem feito de melhor, desde o início do campeonato. Faz um golzinho, dois no máximo, segura a posse de bola, dá pouca ou nenhuma emoção e garante os três pontos. Apesar da sonolência, principalmente no segundo tempo das partidas, a fórmula tem dado certo e é bem provável que Tite mantenha a mesma “linha” para o jogo contra a equipe de Bragança Paulista.

Segundo o site Globo Esporte, Tite fará quatro alterações, seguindo orientação do Departamento Médico, que pretende revezar alguns atletas. Para a disputa deste domingo, o treinador corinthiano deverá sacar o lateral-esquerdo Fábio Santos, os meias Alex e Danilo e o centroavante Élton. Nossos guerreiros devem ser: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Ramon; Ralf, Paulinho, Luís Ramirez; Gilsinho, Liédson e Jorge Henrique.

O Bragantino vem, por enquanto, com uma campanha fraca tendo vencido uma partida, empatado outra e sendo derrotado por duas vezes. As apostas da equipe treinada pelo experiente técnico Marcelo Veiga são a velocidade de Romarinho e a pontaria de Giancarlo, artilheiro da equipe até aqui com três gols.


A história

Em 45 anos de confronto, Corinthians e Bragantino já jogaram 40 vezes. O retrospecto é favorável ao Timão que venceu 19 vezes e sofreu apenas seis derrotas. Há, porém, muitos empates. São 15 no total. O alvinegro mais querido marcou 67 gols e sofreu 35.

Tudo começou em 10 de setembro de 1966, no Parque São Jorge, em jogo válido pelo Campeonato Paulista daquele ano. O Timão venceu por 3 a 0, com dois gols do atacante Marcos e outro da lenda Roberto Rivellino.

Pelo Paulistão de 2011 houve um empate no estádio Marcelo Stéfani, agora equivocadamente renomeado para Nabi Abi Chedid. O jogo terminou em 1 a 1 com o “baixinho” Jorge Henrique fazendo o gol corinthiano de cabeça após o Bragantino ter aberto o placar com um gol contra de Chicão.


O estádio

O Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido por Estádio do Pacaembu, pertence à prefeitura de São Paulo. É considerada “a casa” do Corinthians que joga com maior frequência no local.

O Timão jamais foi derrotado no Pacaembu pela equipe de Bragança Paulista. Em 12 jogos foram oito vitórias e quatro empates. O Corinthians fez 30 gols e sofreu 12. Que a escrita seja mantida amanhã!

A mais recente partida do Corinthians no Pacaembu foi em 29 de janeiro passado na terceira rodada do Campeonato Paulista de 2012. O Timão venceu o Linense por 1 a 0 com um golaço de Emerson.


Ficha Técnica – Jogo 7/2012

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA X CLUBE ATLÉTICO BRAGANTINO

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 5ª
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 5 de fevereiro de 2012

Árbitro: Leonardo Ferreira Lima (SP)
Assistentes: Fabio Luiz Freire e Maíza Teles Paiva (ambos de SP)

CORINTHIANS: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Ramon; Ralf, Paulinho, Luís Ramirez; Gilsinho, Liédson e Jorge Henrique
Técnico: Tite

BRAGANTINO: Alê; Victor Ferraz, André Astorga, Luiz Henrique e Murilo Ceará; Cambará, Serginho, Fernando Gabriel e Romarinho; Léo Jaime e Giancarlo
Técnico: Marcelo Veiga

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Golaço de Emerson salva Corinthians em jogo ruim 0

Golaço de Emerson salva Corinthians em jogo ruim


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada


Ouça o gol da partida com a narração de José Silvério e reportagens de Alexandre Praetzel da Rádio Bandeirantes

Corinthians 1 X 0 Linense – Emerson

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Ouça o gol da partida com a narração de Rogério Assis, reportagens de Márcio Spímpolo e comentários de Flávio Prado da Rádio Jovem Pan

Corinthians 1 X 0 Linense – Emerson

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Lead

Pela terceira rodada do Campeonato Paulista 2012, o Sport Club Corinthians Paulista venceu o Clube Atlético Linense com um golaço de Emerson na etapa final. O Timão não jogou bem, mas a vitória manteve os 100% de aproveitamento nas três primeiras partidas. Agora, apenas Corinthians e São Paulo venceram todos os seus jogos no Paulistão.


O jogo

Em casa, diante da torcida, o Corinthians impôs seu jogo desde o início. Logo no começo da partida, houve uma falta penal em Alex, não marcada pelo juiz. Logo em seguida, Emerson bateu com perigo para fora e mostrou que o jogo em linha da defesa do Linense não funcionava.

Apesar do início promissor, o Corinthians ficou preso à forte marcação da equipe do Interior, que tentava contra-ataque rápido, principalmente com Diego Macedo.

Ainda na primeira etapa, o Linense teve um gol anulado pela arbitragem. Após cobrança de escanteio por Éder, o zagueiro Fabão se apoiou em Danilo. A bola entrou, mas o juiz anulou a jogada.

O cenário do segundo tempo pouco foi alterado. O Timão detinha as melhores jogadas e a posse de bola, mas esbarrava no bom goleiro Douglas e faltava a ligação do meio com o ataque.

Quase no final da partida, Alex fez boa jogada pela esquerda, o goleiro Douglas espalmou para o lado, mas encontrou Emerson Sheik que, de primeira, mandou uma bomba. Um golaço que valeu a vitória corinthiana e garantiu os três pontos na competição.

No geral, o jogo foi fraco tecnicamente. O Corinthians mostrou falhas na ligação do meio com o ataque e Liédson, mais uma vez, sentiu a contusão que o acompanha desde o ano passado. O time só melhorou quando Jorge Henrique entrou no lugar do Danilo dando mais velocidade ao ataque.


Ficha Técnica

Na história:
12 jogos – 9 vitórias do Corinthians X 2 vitórias do Linense e 1 empate
Corinthians: 25 gols X Linense: 13 gols

Jogo 05/2012 – 3 V – 1 E – 1 D – 7 GF – 4 GC – SG 3
Artilheiros: Alessandro, Alex, Chicão, Élton, Emerson e Liédson (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)

No Paulistão 2012 – 3 V – 0 E – 0 D – 5 GF – 1 GC – SG 4 – 2º lugar – 9 pontos
Artilheiros: Alessandro, Chicão, Élton e Emerson (1 gol cada)
Gol contra: Dezinho (Mirassol)


SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA 1 X 0 CLUBE ATLÉTICO LINENSE

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 3ª
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 29 de janeiro de 2012

Árbitro: Marcelo Rogério (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)
Assistentes adicionais: Camilo Morais Zarpelão e Adriano de Assis Miranda (ambos de SP)

Público: 16.510 torcedores
Renda: R$ 461.185,50
Cartões amarelos: Élton e Jorge Henrique [C]; Anderson, Diego Macedo, Bruno Quadros e Fabão [L]

Gol: Emerson [C] (79′)

[Notas do Micelli]

CORINTHIANS: Júlio César [6]; Alessandro [6], Chicão [6], Leandro Castan [7] e Fábio Santos [5]; Ralf [6], Paulinho [6], Danilo [6] (Jorge Henrique [7]) e Alex [8]; Emerson [7] (Vitor Júnior [S/N]) e Liédson [5] (Élton [S/N])
Técnico: Tite [6]

LINENSE: Douglas [7]; Anderson [6], Fabão [7] e Bruno Quadros [6]; Diego Macedo [7], Elias [6], Makelelê [6], Éder [7] e Alexandre Silva [6] (Bruno Farias [S/N]); Chimba [5] (Neto [S/N]) e Lenilson [6] (João Henrique [S/N])
Técnico: Pintado [6]

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net


PRÓXIMA PARTIDA:

ITUANO X CORINTHIANS – PAULISTÃO 2012
QUARTA – 1 DE FEVEREIRO DE 2012 – ESTÁDIO NOVELLI JÚNIOR, ITU

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Timão pega “freguês” em casa para manter os 100% no Paulistão 0

Timão pega “freguês” em casa para manter os 100% no Paulistão


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

Neste domingo ensolarado na capital paulista, o Sport Club Corinthians Paulista encara o Clube Atlético Linense pela terceira rodada do Campeonato Paulista 2012, no velho e bom Pacaembu de tanta história e glória alvinegras.

Com a cabeça na Libertadores, que para o Corinthians se inicia em 15 de fevereiro, o time vai adquirindo ritmo de jogo e Tite vai mexendo suas peças para encontrar o ponto ideal. Até a estreia no torneio sulamericano, o Timão terá sete rodadas no Paulistão para formar o melhor time possível para conquistar a América e deslanchar no Paulistão – também importante – para se classificar à próxima fase, quando os oito mais bem classificados prosseguem no torneio.

Para o jogo de hoje, Tite mantém o mesmo time que iniciou a partida vitoriosa diante do Guaratinguetá no meio de semana: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Emerson e Liédson. Há novidades no banco de reservas. O treinador corinthiano trará Vitor Júnior, recém contratado do Atlético Goianiense e que se destacou no segundo tempo do amistoso contra a Portuguesa de Desportos. O zagueiro Marquinhos, campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior no meio de semana, também está relacionado para o jogo.

O time de Lins vem forte para o campeonato e está na quinta colocação. Em seus dois jogos, muitos gols contra o Comercial (vitória por 4 a 3) e São Caetano (empate em 3 a 3). Treinado por Pintado, o Linense mostra muita força no meio de campo que chega firme ao ataque com destaque para Makelelê e Éder.


A história

Corinthians e Linense jogaram apenas onze vezes na história, até pelo fato do clube de Lins ter ficado fora da divisão de elite do futebol paulista por mais de 50 anos. O retrospecto é amplamente favorável ao clube de Parque São Jorge que venceu oito vezes e sofreu duas derrotas. Há, ainda, um empate. O Timão fez 24 gols e sofreu 13.

Curiosamente, o primeiro confronto entre as duas equipes aconteceu num amistoso em 1948, com vitória do time do Interior por 3 a 1 em partida realizada no estádio Gilberto Siqueira Lopes.

A mais recente partida entre ambos aconteceu pelo Campeonato Paulista do ano passado. Jogando em Lins, o Corinthians venceu por 2 a 0 com gols de Liédson e Bruno Quadros (contra) para o time da Capital.


O estádio

O Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido por Estádio do Pacaembu, pertence à prefeitura de São Paulo. É considerada “a casa” do Corinthians que joga com maior frequência no local.

O Timão jogou quatro vezes contra o Linense no Pacaembu e venceu todas as partidas. Marcou 12 gols e sofreu sete. O último jogo no estádio aconteceu em 12 de setembro de 1956 com vitória corinthiana por 4 a 3.

A mais recente partida do Corinthians no Pacaembu foi em 21 de janeiro passado na estreia do Campeonato Paulista de 2012. O Timão venceu o Mirassol, de virada, por 2 a 1. Elton e Dezinho contra marcaram os gols do Corinthians e Xuxa abriu o placar para o time do Interior.


Ficha Técnica – Jogo 5/2012

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA X CLUBE ATLÉTICO LINENSE

Competição: Campeonato Paulista 2012 – Série A
Rodada: 3ª
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 29 de janeiro de 2012

Árbitro: Marcelo Rogério (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)

CORINTHIANS: Júlio César; Alessandro, Chicão, Leandro Castan e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Emerson e Liédson
Técnico: Tite

LINENSE: Douglas; Anderson, Fabão e Bruno Quadros; Diego Macedo, Elias, Makelelê, Éder e Alexandre Silva; Chimba e Lenilson
Técnico: Pintado

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

Na Copinha, Corinthians conquista primeiro título do ano 0

Na Copinha, Corinthians conquista primeiro título do ano


por Sylvio Micelli

Texto originalmente escrito para o Blog Canelada

O amado Sport Club Corinthians Paulista sagrou-se, na última quarta (25), campeão da 43ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Numa disputa emocionante contra o Fluminense Football Club, que jogou muito bem, o Timãozinho acabou campeão graças a dois gols de cabeça do zagueiro Antonio Carlos. Foi mais uma daquelas típicas viradas corinthianas a enlouquecer quase 37 mil torcedores no velho e bom Pacaembu e, certamente, a ganhar uma página na história do clube das viradas.

Dono da melhor campanha do torneio, jogando em casa e com o apoio da torcida, o Corinthians era o favorito ao título, mas o clube do Rio de Janeiro não apenas equilibrou as ações, como teve o domínio em boa parte do jogo. O técnico do Flu, Marcelo Veiga, optou por marcar os criadores de jogada do time corinthiano. Os laterais Denner e Cristiano pouco avançaram e a bola não chegava ao trio de ataque formado por Matheuzinho, Leonardo e Douglas.

No primeiro tempo, apesar da maior posse de bola, o Corinthians pouco criou. Pelo lado carioca, o bom atacante Marcos Júnior infernizava a defesa alvinegra. Ele criou três oportunidades de abrir o placar, mas contou com defesas do goleiro Matheus Caldeira.

Logo no começo da etapa final, o Fluminense fez 1 a 0. Em jogada de Marcos Júnior e falha do goleiro, Michael tocou para o gol vazio.

Com desvantagem no marcador, o Corinthians foi para cima correndo o risco dos contra-ataques. E este foi o retrato do segundo tempo: o Timãozinho atacava, às vezes até de forma atabalhoada e o Fluminense não conseguia aumentar a vantagem na rapidez de seu principal jogador.

Sobrou, assim, emoção. Além da contusão do goleiro Matheus Caldeira, que chegou a jogar alguns minutos sem condições, o zagueiro Antonio Carlos foi o “salvador da pátria”. Capitão do time fez os dois gols de cabeça, aos 20 e aos 43 minutos, em cobranças de escanteio para o delírio da Fiel que comemorou o oitavo título do Timãozinho na Copinha.

A campanha do Corinthians foi irretocável: oito vitórias em oito jogos; 30 gols marcados e apenas dois sofridos. O Fluminense até jogou melhor a última partida, o que engrandeceu o triunfo corinthiano.

E parabéns à molecada! Que estes jogadores, na medida do possível, sejam bem aproveitados pelo time principal.


Ficha Técnica

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA 2 X 1 FLUMINENSE FOOTBALL CLUB

Competição: 43ª Copa São Paulo de Futebol Júnior
Rodada: 8ª (Final)
Local: Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho [Estádio do Pacaembu], São Paulo (SP)
Data: 25 de janeiro de 2012

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Alberto Poletto Masseira e Luis Alexandre Nilse (ambos de SP)
Quarto Árbitro: Marcelo Aparecido da Silva (SP)
Público: 37.659 torcedores
Renda: não divulgada

Gols: Antonio Carlos [C] (65′ e 88′); Michael [F] (48′)
Cartões amarelos: Anderson e Leonardo [C]; William, Silézio e Fabinho [G]

CORINTHIANS: Matheus (Ravi); Cristiano (Leandro), Antônio Carlos, Marquinhos e Denner; Anderson, Gomes, Giovanni (Wesley) e Matheuzinho; Douglas e Leonardo
Técnico: Narciso

FLUMINENSE (RJ): Silézio; Fabinho, Wellington Carvalho, Léo Lelis e Ronan; Higor, Willian, Rafinha e Eduardo (Fernando); Michael (Igor Julião) e Marcos Júnior
Técnico: Marcelo Veiga

Ficha Técnica by Gazeta Esportiva.Net

Já curtiu o Blog Canelada no Facebook? Vem cá!

Já leu outros textos do Jornalista Sylvio Micelli? Vem cá!

6 visitantes online agora
0 visitantes, 6 bots, 0 membros
Máx. de visitantes hoje: 8 às 01:01 am BRST
Este mês: 24 às 12-08-2017 08:07 pm BRST
Este ano: 31 às 03-30-2017 10:25 am BRT
No total: 111 às 03-18-2011 02:35 am BRT